foto capa institucional opcao 01.jpg
barra site noronha.png

INSTITUCIONAL

Fernando de Noronha - ICMBio Logo - Site Noronha

CONHEÇA O ICMBio FERNANDO DE NORONHA

Quem somos

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) é uma autarquia em regime especial. Criado em 28 de agosto de 2007, pela Lei 11.516, é vinculado ao Ministério do Meio Ambiente e integra o Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama).

Cabe ao ICMBio executar as ações do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, podendo propor, implantar, gerir, proteger, fiscalizar e monitorar as UCs instituídas pela Unidão; fomentar e executar programas de pesquisa, proteção, preservação e conservação da biodiversidade e exercer o poder de polícia ambiental para a proteção das Unidades de Conservação federais.

EXCLAMAÇÃO SITE NORONHA.png

Hoje somos 334 Unidades de Conservação federais espalhadas pelo país, abrangendo quase 80 milhões de hectares continentais e mais de 90 milhões de hectares marinhos.

ICONE HOME_SITE NORONHA.png

O que é um Núcleo de Gestão Integrada (NGI)?

Buscando melhorar a atuação no arquipélago, o ICMBio, por meio da Portaria nº 7 de 3 de janeiro de 2017 instituiu o NGI de Fernando de Noronha. O NGI é a estrutura organizacional que compreende a gestão das unidades de conservação federais do arquipélago de Fernando de Noronha, ou seja, o Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha e a Área de Proteção Ambiental de Fernando de Noronha - Rocas - São Pedro e São Paulo.​

Fernando de Noronha - Mapa Apa Rocas - Site Noronha

Um Núcleo de Gestão Integrada tem como objetivo: 

  • alcançar maior eficácia e efetividade na conservação da biodiversidade e na realização dos objetivos de criação das unidades de conservação; 

  • estabelecer procedimentos de gestão para proporcionar eficiência e racionalidade na administração de forma unificada da APA e do Parque.

Objetivo_Site Noronha.png

Missão e visão do ICMBio Noronha

Temos como missão conciliar a ocupação humana e a visitação com a conservação dos ambientes oceânicos singulares e privilegiados dos arquipélagos de Fernando de Noronha e São Pedro e São Paulo.

A nossa visão de futuro é fortalecer o ICMBio Noronha para gerar resultados perceptíveis para a comunidade local e visitantes relacionados à conservação de um ambiente insular biodiverso, conciliando a ocupação humana com a proteção ao meio ambiente.

Fernando de Noronha - Mapa Estratégico - Site Noronha
Faixa Institucional_Site Noronha.png
Fernando de Noronha - Ramsar Logo - Site Noronha

Sítio Ramsar

Um sítio Ramsar é uma zona úmida classificada como local de importância ecológica internacional, ao abrigo da Convenção sobre as Zonas Úmidas de Importância Internacional. 

 

A Convenção Ramsar é um tratado intergovernamental feito durante encontro realizado na cidade iraniana de Ramsar para promover a conservação e o uso racional das zonas úmidas com profundidade de até seis metros, em situação de maré baixa. Estas zonas seriam pântanos, charcos, represas, lagos, açudes e áreas marinhas.

O sítio Ramsar em Fernando de Noronha inclui o Parque Nacional Marinho e a Área de Proteção Ambiental.

Fernando de Noronha - Unesco Logo - Site Noronha

Patrimônio Mundial Natural Unesco

A Organização das Nações Unidas para a Educação e Cultura (UNESCO) classifica os patrimônios mundiais em cultural e natural.

"Os Sítios do Patrimônio Mundial Natural protegem áreas consideradas excepcionais do ponto de vista da diversidade biológica e da paisagem. Neles, a proteção ao ambiente, o respeito à diversidade cultural e às populações tradicionais são objetivo de atenção especial. Os Sítios geram, além de benefícios à natureza, uma importante fonte de renda oriunda do desenvolvimento do ecoturismo." (site UNESCO). 

Em 2001, as ilhas atlânticas brasileiras de Fernando de Noronha e Atol das Rocas foram nomeadas Patrimônio Mundial Natural.